A Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel) está pedindo que as operadoras de telecomunicações tomem medidas para colaborar com a contenção da COVID-19. O órgão enviou ofício às empresas com uma série de ações como ampliação de banda e acesso gratuito a apps com informações oficiais sobre a doença.

“A evolução no número de casos confirmados e suspeitos nos últimos dias impõe, contudo, que novos avanços sejam feitos. Com um cenário de maior distanciamento físico entre as pessoas, requisições de quarentena e de trabalho remoto, as conexões de acesso às redes se tornarão ainda mais essenciais. A preservação de fluxos de trabalho, de ensino, de acesso a informações sobre saúde e também de lazer, dependerá em grande medida dos serviços de telecomunicações”, informa o ofício.

No total, são oito medidas que o órgão pede às empresas prestadoras de serviço móvel. A primeira é o chamado zero rating para o app Coronavírus-SUS. O programa foi lançado pelo Ministério da Saúde com informações oficiais sobre casos da doença e prevenção no Brasil. O zero rating significa acesso ao app sem que isso seja cobrado do pacote de dados do usuário.

A Anatel também pede que as operadoras ampliem o acesso a pontos públicos de Wi-Fi para não-assinantes e amplie a velocidade da banda larga fixa.

O órgão também se preocupa com a infraestrutura e pede que as empresas priorizem atendimentos em estabelecimentos de saúde e serviços de urgência, como hospitais, farmácias e atendimento ao público, além de solicitar que as companhias definam um plano para garantir a estabilidade técnica em momentos de alta demanda, como deve acontecer agora.

Outras medidas incluem flexibilizar prazos de pagamentos de inadimplentes em áreas de isolamento, divulgar práticas de higiene internas e promover campanhas com informações sobre a COVID-19.

“No sentido de dar início à consolidação das soluções, a Presidência e as áreas técnicas estão adotando preparativos para realização de reuniões com solução de acesso remoto de participação, a ocorrer no início desta semana, sendo imprescindível a participação dos representantes acima mencionados”, completa o ofício.

Para facilitar a divulgação, a Anatel também vai disponibilizar uma página que reúne todas as movimentações das operadoras pelo país.

Fonte: Anatel

Artigos Relacionados
Leia mais em DESTAQUES

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Veja também

Sindicatos fortalecem luta pela manutenção de emprego e renda

Apesar das tentativas de Jair Bolsonaro de impedir negociações coletivas, trabalhadores co…