O prefeito Firmino Filho determinou, por meio de decreto, que as empresas de call center e telemarketing de Teresina deverão adequar a partir de segunda-feira (23) o seu funcionamento para manter 50% dos seus funcionários em trabalho remoto, ou seja, de casa. A medida faz parte do decreto Nº 19.538 que dispõe sobre a intensificação de ações para o enfrentamento à pandemia provocada pelo novo coronavírus.

“Sabemos que estas empresas empregam muitas pessoas na cidade de Teresina, e com certeza, há riscos em mantê-las trabalhando na sua totalidade de forma presencial. Então, a recomendação é que essas empresas continuem o seu funcionamento, sendo que 50% de trabalhadores de cada uma delas deverá desempenhar suas funções em casa”, explica o prefeito Firmino Filho.

Segundo Venâncio Cardoso, secretário municipal de Desenvolvimento Econômico e Turismo, as empresas de call center geram milhares de empregos na cidade e a preocupação deve ser redobrada nesses lugares. “De forma acertada, o prefeito Firmino baixou esse decreto que está de acordo com as recomendação nacionais e internacionais para conter a expansão do vírus.

O serviço de call center também poderá colaborar, diminuindo o número de pessoas que vai atrás de serviços presenciais, como uma reclamação de falta de luz, água, tudo podendo ser resolvido por essas empresas por telefone. Esperamos também que medidas de limpeza e higienização, com orientação de boas práticas e a disponibilização de álcool em gel, sejam adotadas por estas empresas”, destaca.

Fonte: Oitoemeia

Artigos Relacionados
Leia mais em SINTTELPI

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Veja também

#1Maio marca o poder das redes sociais

#1Maio marca o poder das redes sociais em tempo de covi-19 A resistência contra a retira…