Delegados e Delegadas aprovam o plano de lutas e as estratégias para o período de 2023 a 2027 durante o 14º congresso estadual da CUT-PI

O Cecut-PI aconteceu dias 10 e 11 de agosto de 2023, no centro de Guadalupe em Teresina e reuniu mais de 200 delegados e delegadas de todo o estado. No primeiro dia do 14º Congresso Estadual da Central Única dos Trabalhadores no Piauí (Cecut) debateu a Conjuntura Nacional e Estadual tecendo uma avaliação das dificuldades e barreiras enfrentadas pela classe trabalhadora. Este ano o CECUT trouxe o lema “Luta, Direitos e Democracia que Transformam Vidas”, e marca os 40 anos de luta e resistência da CUT. Durante o primeiro dia do 14º congresso estadual,  a ex-superintendente da Delegacia do Regional do Trabalho e emprego no Piauí e dirigente do Sindicato Nacional dos Auditores fiscais no Piauí (SINAIT), Dra Paula Mazullo e o Secretário de Relações do Trabalho da CUT Nacional, Ari Aloraldo fizeram uma avaliação do cenário atual das condições de trabalho dos trabalhadores e trabalhadoras no Brasil e no Piauí, destacando a precariedade e os males causados pela reforma trabalhista, fortalecendo a necessidade da urgência de avançar na luta por sua revogação. Foram lançadas três candidaturas para Presidente da CUT-PI, entre eles Odaly Medeiros (Presidente do Sindicato dos Bancários), Francisco das Chagas (Chicão diretor do SINTE) e Antônio José (Presidente da FETAG-PI), após vários diálogos, e em consenso formou-se uma chapa unitária, onde por unanimidade foi aprovado para Presidente da CUT-PI, Odaly Medeiros (Bancários-PI), tendo como Vice-Presidente Lucilene Ferreira, Secretária de Formação e Organização Sindical (FETAG-PI).

“Nossa avaliação do CECUT Piauí foi totalmente positiva. Porque atingimos as expectativas do núcleo de participantes, dos debates que estavam propostos, tivemos presenças importantes para contribuir com a análise política e a econômica do nosso país. Vimos à disposição da nossa delegação com mais de duzentos delegados e delegadas, e isso traz pra nós uma garantia de que o movimento sindical está disposto a manter-se mobilizado a fazer os enfrentamentos importantes para avançar na Conquista de Direitos, uma resistência para que a gente possa garantir o que já temos e também apresentar a proposta que possa trazer desenvolvimento na área da geração de emprego e renda”. Disse. Paulo Bezerra. Sobre a Política Econômica que está sendo apresentada pelo governo, Paulo avalia que possa trazer resultado positivo a curto prazo, segundo ele o desemprego estava muito grande no governo anterior “Essa retomada de crescimento com financiamento de novas frentes de geração de renda, possa surgir mais emprego com melhor qualidade de vida, a política proposta pelo governo Lula tem que ser de resultado o mais breve, quanto mais breve melhor. Nós apostamos nessa proposta, apoiamos ele elegendo o governo, tivemos acompanhando as discussões para que haja o melhoramento na política a ser adotada, somos partes do projeto e nós trouxemos um debate de conscientização do nosso papel para manter a classe trabalhadora mobilizada aqui do nosso estado, e defender o projeto que vai além das nossas pautas específicas do projeto de sociedade”. Frisou, Paulo Bezerra presidente (CUT-PI).

“Tiramos encaminhamentos importantes que irão contribuir bastante para o movimento sindical do estado e no país, com vistas ao Congresso Nacional da CUT que  acontecerá em outubro em São Paulo. E nós tivemos também a satisfação de contar com a contribuição das pessoas na construção de uma unidade onde obtivemos uma chapa única que garantiu a eleição de uma nova diretoria, que será empossada sem dúvida alguma com o mesmo objetivo do engrandecimento da nossa central, da articulação com os demais movimentos sindicais,  que está dentro das ordenações populares, sociais e com isso nós temos o fortalecimento claro das lutas com o objetivo de conquista. Isso é importante”. Destacou Paulo.

“Então nós avaliamos que o congresso foi vitorioso, pudemos contar com uma dimensão de debate político tão avançado que nos surpreendeu a participação maciça de todas as delegações. A priori certamente vamos colher o resultado de todo esse esforço coletivo que nós tivemos pra organizar e realizar o nosso CECUT, e o fruto desse trabalho foi uma eleição de uma diretoria compromissada. Essa é a avaliação que nós temos do nosso Congresso Estadual da CUT”. Concluiu, Paulo Bezerra.

Paulo, parabenizou e reconheceu a dedicação e esforço do coordenador adjunto do CECUT, Herbertt Marinho, também Secretário de Comunicação da central, juntamente com toda a equipe de organização, que propuseram dois dias de intenso trabalho para que o resultado fosse concluído com sucesso.

Durante a programação, também houve um momento para fortalecer as Brigadas Digitais da CUT, através do Secretário de Comunicação da CUT-PI, Herbertt Marinho (Reeleito), que destacou a importância das brigadas e das redes sociais, como estratégia de se comunicar dos sindicatos com a sua base. Marcha das Margaridas Nacional 2023, também teve seu momento no 14º CECUT-PI, com a companheira Marlene Veloso, secretaria de mulheres da FETAG-PI. O 14º CECUT-PI contou com um momento político que reuniu parlamentares e representantes de partidos e movimentos sociais. Entre eles o Presidente da Assembleia Legislativa do Estado do Piauí, Franzé Silva (PT), o Deputado Estadual Fabio Novo (PT), João de Deus, presidente do PT em Teresina, Elisângela Moura (PCdoB), o deputado Federal Merlong Solano (PT), e o ex-secretário de saúde, e Deputado Federal Florentino Neto (PT) e a vereadora Euzuila Calisto (PT). Ao final aconteceu a eleição da Nova Diretoria que irá conduzir a Central durante o quadriênio 2023/2027.

Fonte: CUT-PI
Escrito por: Socorro Silva-CUT-PI
Fotos:  SOCORRO SILVA-CUT-PI



Artigos Relacionados
Leia mais em CUT

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Veja também

Secom recebe Federações para tratar da situação da Oi S/A

O secretário executivo Ricardo Zamora se comprometeu de levar as questões pontuadas pelas …