Durante a manhã da última sexta (26/04), reunidos (as) no auditório do Sindicato das Telecomunicações do Piauí-SINTTEL-PI, diretores (as) da CUT-PI, Dirigentes Sindicais, Assessores (as) de Imprensa, Secretários de Comunicação, Jornalistas, dentre outros (as) convidados (as), participaram de um grande debate durante a oficina de mídias digitais, proferida por Renato Rovai, jornalista, doutor em Ciências Humanas e Sociais, pela Universidade Federal do ABC. Criador e editor da Revista Fórum. O projeto Rovai, assim intitulado, foi fortalecido em parceria com a Central Única dos Trabalhadores-CUT-PI, SINTTEL-PI, e o portal Piauí Hoje.

O evento foi coordenado pela CUT-PI, veio como resposta a uma pauta em aberto do 4º Encontro de Comunicação da CUT-PI, e que reuniu mais de oitenta escritos, num momento crucial para a comunicação e seus desafios diante da conjuntura atual adversa, onde o mundo virtual avança a cada dia, e as ferramentas de comunicação se tornam grandes aliadas para o enfrentamento.

Moura, SINTTEL-PI “É muito importante uma oficina como essa que traz um tema tão importante que é a comunicação, principalmente porque a cada dia a comunicação fica mais veloz, e chegam de forma diferenciada através do mundo digital”. Disse.

Renato Rovai: “A formação humana é essencial, o investimento na comunicação é indispensável, temos que acompanhar as novas tecnologias, temos que valorizar as filmagens de vídeos que trazem um grande resultado, a cada dia a comunicação nas redes sociais avançam, e a organização de base é preciso, principalmente ganhar espaços, usar com mais veemência as redes sociais”.

Segundo Rovai, “O papel não é um meio de comunicação, a plataforma da internet vem se consolidando cada vez melhor, de uma forma mais ampla, a internet dá uma esperança aqueles (as) que sempre buscaram o seu espaço de divulgação, temos o You Tube, onde uma pessoa pode criar o seu canal e ter um alcance infinito, blogs, portais, hoje a comunicação é muito mais distribuída do que há alguns anos atrás.” Disse.

Hoje você economiza muito ao usar as redes sociais, o watsapp é uma das ferramentas que faz a comunicação de forma rápida, precisamos fazer uma reflexão sobre a forma em que estamos fazendo a comunicação, ou nós vamos perder tudo! Vez em quando pode ser distribuído um informativo (jornal), mas não podemos esquecer o poder que tem o face book, o twitter.”. (Rovai).

Paulina Almeida, secretaria de comunicação da CUT-PI “Esse momento em que se discute a forma de se fazer a comunicação é muito importante, é muito interessante a colocação do Renato Rovai se tratando da construção da nossa percepção ideológica, precisamos disputar com novas estratégias pra que de fato possamos alcançar a democracia, e avançar cada vez mais no debate da comunicação sindical”. Disse.

No final da oficina, foi apresentado o Porta da CUT-PI através da assessora de comunicação da central, dentre as demais ferramentas que fazem parte da Rede de Comunicação CUTista, e o livro de Renato Rovai: “Um novo ecossistema midiático, a história do jornalismo digital no Brasil”. Em seguida foi aberto para o debate com o público presente.

A parceria feita entre CUT-PI, Renato Rovai, Portal Piauí Hoje e SINTTEL-PI, foi considerada um sucesso.

 

Fonte: Cut/PI

Artigos Relacionados
Leia mais em CUT

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Veja também

STF autoriza licença de 180 dias para servidor pai ‘solo’

Os ministros do STF negaram recurso do INSS contra decisão do TRT-3 e decidiram que é cons…