Negociação não avança, a empresa apresentou  uma proposta aumentando apenas 70 centavos no Alelo mas, incluindo um desconto de 20%, que será descontado do salário do Operador, assim não dá!

SE NÃO MELHORAR Nós VAMOS GREVAR!

Um mês depois dos trabalhadores recusarem a proposta a Almaviva voltou à mesa de negociação com uma proposta miserável, mantendo o salário do Teleoperador apenas com o reajuste do salário mínimo, sem concordar com um piso diferenciado de R$ 950,00 reivindicado pelos trabalhadores. Para os demais salários dos empregados administrativos, supervisores e coordenadores o reajuste foi mantido em 7, 1256%.

Não existe avanço sem luta, por isso o Sindicato convoca a categoria para recusar a proposta em Assembleia que será realizada no dia 3 de agosto, segunda-feira, a partir das 9:00 horas até as 19:00 horas, para deliberar sobre a proposta e convocar a Assembleia de Greve para o dia 7 de agosto, com a paralização iniciando dia 10 de agosto, até que a empresa valorize seus empregados e concorde com um piso salarial justo, reconhecendo o mérito dos Operadores de Teleatendimento com um piso de no mínimo R$ 950,00.

 

Artigos Relacionados
Leia mais em Todas as Notícias

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Veja também

Trabalhadores na Rede Conecta paralisam atividades em Teresina

Na manhã desta quarta-feira (17) os trabalhadores na empresa Rede Conecta, terceirizada da…